União Europeia e China assinam acordo sobre tráfico de animais selvagens

 

A União Europeia e a China assinam hoje, em Pequim, um acordo para ajudar a combater o tráfico de produtos de animais selvagens, como elefantes e rinocerontes. O acordo será assinado por Janez Potocnik, o comissário europeu para o ambiente, e Zhou Shengxian, ministro da protecção ambiental, e criará laços mais estreitos para o combate ao tráfico através de troca de informação e leis mais severas.

 

“O tráfico alcançou os seus níveis mais altos em décadas e envolve organizações internacionais de crime organizado. Isto coloca em risco populações de elefantes, rinocerontes e tubarões”, explicou Potocnik.

 

Em Setembro realiza-se a conferência do Comércio Internacional de Espécies Ameaçadas da Flora e da Fauna (CITES), em Genebra. Nela, os Governos irão comprometer-se a coordenar acções para rastrear os produtos ilegalmente comercializados da África para a China, via Europa. Este acordo é também uma oportunidade para a China ganhar alguma credibilidade nesta reunião.

 

China e Vietname são dois dos principais mercados para produtos feitos a partir de elefantes e rinocerontes. Aqui, acredita-se que estes tenham poderes medicinais, sendo também utilizados em decorações ou rituais religiosos.

 

Sapo TL/Green Savers/Lusa

horadoplaneta às 13:17 | link do post | comentar | Adicionar aos favoritos