Do lixo para a galeria de arte

Arte com lixo

“Nunca duvides que um pequeno grupo de cidadãos preocupados e comprometidos pode mudar o mundo.” A frase é de Margaret Mead, mas assenta na perfeição ao Washed Ashore, um projecto que recolhe pedaços de plástico dos oceanos para os transformar em verdadeiras obras de arte.

 

O início do projecto remonta a 2010, quando um grupo de voluntários começou a recolher as toneladas de lixo que iam encontrando nas zonas costeiras de Bandon, EUA. Até hoje já foram recolhidas mais de 40 toneladas de resíduos marinhos, reutilizados para criar peixes, polvos, pinguins, tubarões, e tantos outros, num alerta para a questão preocupante da poluição marinha, onde animais e sacos de plástico partilham o mesmo habitat.

 

As estátuas criadas por estes voluntários tiveram sucesso tal, que estão em exposição no Smithsonian’s National Zoo, em Washington, até ao final de Setembro.

 

Fotos: Washed Ashore


@Green Savers

horadoplaneta às 02:48 | link do post | comentar | Adicionar aos favoritos