Sexta-feira, 21.03.14

21 de Março é Dia Internacional das Florestas

Dia 21 de Março é o Dia Internacional das Florestas, uma efeméride instituída pela Assembleia-Geral das Nações Unidas em 2012 e que visa consciencializar sobre a extrema importância das florestas, razão pela qual é imprescindível geri-las de forma sustentável.

 

 

Com efeito, a 21 de dezembro de 2012, a Assembleia-Geral das Nações Unidas adotou a resolução A/RES/67/200, que prevê que o dia 21 de março seja declarado Dia Internacional das Florestas.

Esta data, que coincide com o início da primavera no hemisfério norte, já era de resto assinalada como Dia Mundial da Floresta, desde 1972, por iniciativa da FAO – Organização da ONU para a Alimentação e Agricultura), e também como Dia da Árvore.

Esta última celebração surgiu nos EUA em 1872 pela mão de um habitante do Nebrasca que resolveu organizar uma ação comunitária de plantação de árvores. Desde então é tradicional, neste dia, a realização de ações de plantação de árvores, simbolizando o reconhecimento da sua importância e da importância das florestas.

Os vários tipos de florestas, desde as tropicais às de montanha, cobrem cerca de 31% da superfície continental a nível global, assegurando diferentes funções vitais que vão desde a proteção das bacias hidrográficas que disponibilizam a água doce de que dependemos à captura e armazenamento de carbono, ajudando a combater as alterações climáticas para além de mitigar os seus efeitos.

É assim urgente inverter a tendência de desflorestação a que se assiste na atualidade, que envolve a destruição de 13 milhões de hectares de florestas todos os anos. É este o apelo que Ban Ki-moon, secretário-geral da ONU, faz neste Dia Internacional das Florestas:

“Numa altura em que deliberamos sobre a agenda de desenvolvimento pós-2015, reconheçamos o papel vital das florestas e comprometamo-nos a trabalhar juntos para proteger e gerir sustentavelmente estes ecossistemas vitais”.

Veja aqui o vídeo oficial do Dia Internacional das Florestas:

 

 

Sapo TL com Naturlink

horadoplaneta às 13:28 | link do post | comentar | Adicionar aos favoritos

Jirafa re'i tratadór ne'ebé sofre moras terminál

 

Ne'e hanesan fotografia sira interesante ne'ebé hatudu momentu emosionante ida bainhira jirafa despede ninia tratadór durante tinan barak, ne'ebé sofre kankru terminál ida. Tratadór, ho tinan 54, pasa ninia parte barak iha moris hodi trata jirafa sira iha Jardim Zoolójiku Diergaarde Blijdrop nian iha Roterdaun.

 

 

Tratadór, ne'ebé koñesidu ho naran Mário, husu atu lori ninia kama ospitál nian ba to'o iha jirafa sira ninia fatin hodi nune'e bele haree animál sira ba dala ikus. Animál ida hakbesik nian, ne'ebé toba iha kama, fó re'in ida ba nian hanesan re'i despedida nian, refere hosi imprensa holandeza.

"Animál sira ne'e koñese nian no senti katak buat sira la di'ak", afirma hosi Kees Veldboer, fundadór hosi Ambulance Wish Foundation - asosiasaun ida ne'ebé dedika hodi hala'o dezeju ikus sira hosi ema sira ne'ebé sofre moras terminál sira - ne'ebé lori tratadór ninia kama to'o jardin zoolójiku ne'e.

 

 

Mário, ne'ebé iha defisiénsia mentál, bele despede mós kolega sira ne'ebé serbisu iha zoo ne'ebé hanesan ninia serbisu fatin kuaze tinan 25 ninia laran.

Sapo TL ho Green Savers PT

horadoplaneta às 13:13 | link do post | comentar | Adicionar aos favoritos

Girafa beija tratador que sofre de doença terminal

Estas são as fotografias que retratam o momento emocionante em que uma girafa se despede do tratador de vários anos, que sofre de um cancro terminal. O tratador, de 54 anos, passou grande parte da sua vida a cuidar das girafas do Jardim Zoológico de Diergaarde Blijdrop, em Roterdão.

 

 

O tratador, apenas conhecido por Mário, pediu para que a sua cama de hospital fosse transportada até à jaula das girafas para que pudesse ver os animais uma última vez. Um dos animais aproximou-se então da cama do tratador e deu-lhe um beijo de despedida, refere a imprensa holandesa.

“Estes animais reconheceram-no e sentiram que as coisas não estavam bem”, afirma Kees Veldboer, fundador da Ambulance Wish Foundation – uma associação que se dedica a realizar os últimos desejos de doentes terminais – que transportou a cama do tratador até ao zoo.

 

 

Mário, que tinha uma deficiência mental, pode também despedir-se dos colegas de trabalho do zoo, onde trabalhou quase 25 anos.

Sapo TL com Green Savers PT

horadoplaneta às 13:01 | link do post | comentar | Adicionar aos favoritos

pesquisar

 

Março 2014

D
S
T
Q
Q
S
S
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
19
20
22
23
24
27
29
30

posts recentes

arquivos

tags

subscrever feeds

blogs SAPO