Segunda-feira, 05.05.14

Templu tailandés harii ho botir resikladu millaun 1,5

Templu Wat Pa Maha Chedio Kaew hetan dalan foun ida hodi "engrafa Nirvana", karik hatete literalmente. Tempu tailandés ne'ebé situadu iha provínsia Sisaket, harii hosi botir vidru resikladu hamutuk millaun ida resin.

 

 

Bainhira tradús hosi ninia naran “Wat Lan Kand” (Templu Botir Millaun resin), kuaze fatin sira iha templu ne'e harii hosi botir, inklui fatin krematóriu no haris-fatin sira. Agora daudaun, númeru botir sira ne'ebé hola parte iha templu ne'e liu ona millaun 1,5 no monge sira hakarak halo liután resiklajen ba botir sira, refere iha Inhabitat. Bainhira iha botir barak ne'ebé sira bele hetan, sira sei harii tan fatin barak.

Kolesaun botir sira nian hahú iha tinan 1984, bainhira monje sira hahú enfeita sira ninia hela fatin. Ho tinan barak ne'ebé liu ona, bainhira númeru ema sira ne'ebé vizita templu ne'e aumenta no doasaun ba botir sira mós aumenta, hodi nune'e permiti harii templu ida ne'ebé ita bele haree iha ohin loron.

 

 

Aproveita mós botir sira ninia matan, tanba inkorporadu iha mozaiku sira ne'ebé enfeita muru sira. Aleinde sai hanesan materiál konstrusaun sustentável nian, botir sira husik mós naroman naturál tama no sai hanesan manutensaun fasil ida.

Sapo TL ho Green Savers PT

horadoplaneta às 13:08 | link do post | comentar | Adicionar aos favoritos

Templo tailandês construído a partir de 1,5 milhões de garrafas recicladas

O templo Wat Pa Maha Chedio Kaew encontrou uma nova maneira de “engarrafar o Nirvana”, literalmente. Este templo tailandês, situado na província de Sisaket, foi construído a partir de mais de um milhão de garradas de vidro recicladas.

 

 

Fazendo jus ao nome “Wat Lan Kand” (Templo de Milhões de Garrafas), quase todos os espaços foram construídos com garrafas, incluindo um crematório e até as casas de banho. Actualmente, o número de garrafas incorporadas no tempo já ascende a 1,5 milhões e os monges pretendem reciclar ainda mais garrafas, refere o Inhabitat. Quantas mais garrafas conseguirem angariar mais espaços conseguem construir.

A colecção de garrafas começou em 1984, quando os monges as começaram a utilizar para decorar os seus abrigos. Com o passar dos anos, cada vez mais pessoas foram atraídas ao templo e o número de doações de garrafas foi aumentando, até que o número de objectos arrecadados permitiu construir o templo tal como está  hoje.

 

 

Também as tampas das garrafas são aproveitadas, uma vez que são incorporadas em mosaicos que decoram vários murais. Além de poderem ser utilizadas como um material de construção sustentável, as garrafas deixam passar a luz natural e são de fácil manutenção.

Sapo TL com Green Savers PT

horadoplaneta às 12:17 | link do post | comentar | Adicionar aos favoritos

pesquisar

 

Maio 2014

D
S
T
Q
Q
S
S
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
17
18
19
21
24
25
26
27
28
30
31

posts recentes

arquivos

tags

subscrever feeds

blogs SAPO