Sexta-feira, 06.11.15

Konferénsia kona-bá klima - Fransa suspende Schengen durante fulan ida

Governu Paris fó sai ona katak, hodi hametin seguransa relasionadu ho Konferénsia Mundiál kona-bá Klima, kontrolu sira iha fronteira sira sei loke fali entre loron 13 Novembru no 13 Dezembru.

 

 



Ministru Interiór fransés, Bernard Cazeneuve, konfirma ona iha loron-sesta ne'e katak tanba Konferénsia Mundiál kona-bá Klima (COP21) Fransa sei suspende durante fulan ida akordu sira Schengen kona-bá livre sirkulasaun hosi ema sira iha Uniaun Europeiu no nune'e sei loke fali kontrolu hosi pasaporte sira iha fronteira franseza sira nian hosi loron 13 Novembru no 13 Dezembru.

Tuir ministru, medida exsepsionál justifika tanba "kontextu ida hosi ameasa terorista ka risku sira ba orden públiku nian".

Desizaun ne'e foti tanba ameasa terorista sira no mós tanba previstu ona manifestasaun oioin iha Paris, nebe balun organiza hosi radikál sira hosi estrema-eskuerda sira, iha semana oinmai.

Konferénsia Mundiál kona-bá Klima hala'o iha rejiaun parisiense nian hosi loron 30 Novembru to'o 11 Dezembru no sei partisipa hosi xefe Estadu na'in 80 no delegasaun sira hosi nasaun 196. Ema rihun 35 resin hatán ona ba COP21, inklui reprezentante hosi Governu sira hamutuk millaun resin no hosi organizasaun internasionál nebe la'ós governu nian, nune'e mós jornalista hamutuk rihun lima.

ho Expresso

horadoplaneta às 16:01 | link do post | comentar | Adicionar aos favoritos

Conferência sobre o clima - França suspende Schengen durante um mês

Governo de Paris anuncia que, para reforçar a segurança em torno da Conferência Mundial sobre o Clima, os controlos nas fronteiras serão restabelecidos entre 13 de novembro e 13 de Dezembro.

 


O ministro francês do Interior, Bernard Cazeneuve, confirmou esta sexta-feira que por causa da Conferência Mundial sobre o Clima (COP21) a França vai suspender durante um mês os acordos de Schengen sobre a livre circulação de pessoas na União Europeia e que, por conseguinte, serão restabelecidos os controlos de passaportes nas fronteiras francesas de 13 de novembro a 13 de dezembro.

A medida excecional justifica-se, segundo o ministro, devido “a um contexto de ameaça terrorista ou de riscos para a ordem pública”.

A decisão foi tomada devido a alegadas ameaças terroristas e também porque estão previstas diversas manifestações em Paris, algumas organizadas por radicais de extrema-esquerda, nas próximas semanas.

A Conferência Mundial sobre o Clima decorre na região parisiense de 30 de novembro a 11 de dezembro e nela participarão 80 chefes de Estado e delegações de 196 países. Cerca de 35 mil pessoas estão acreditadas para a COP21, incluindo milhares de representantes de Governos e de organizações não-governamentais internacionais, bem como cinco mil jornalistas.

com Expresso

horadoplaneta às 15:42 | link do post | comentar | Adicionar aos favoritos

pesquisar

 

Novembro 2015

D
S
T
Q
Q
S
S
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
14
15
16
17
18
19
21
22
23
26
28
29

posts recentes

arquivos

tags

subscrever feeds

blogs SAPO