Quinta-feira, 12.10.17

ONU: Tinan-tinan dezastre natural sira halo ona ema millaun 14 resin deslokadu

Dezastre natural maka'as ne'ebé tinan-tinan afeta zona oioin iha mundu halo deslokamentu forsadu ba ema millaun 13,9, hatete hosi relatóriu hosi ajénsia ONU hodi Hamenus Risku sira Dezastre nian (UNISDR) iha loron-kuarta ne'e. 

 

 

Ho baze hosi métodu foun ida análize nian, relatóriu foun hosi UNISDR avalia ona informasaun sira relasionadu ho nasaun no teritóriu hamutuk 204 no konklui ona katak númeru ema deslokadu sira iha nível mundial sei aumenta nafatin, liuliu iha nasaun fraku sira, bainhira laiha progresu maka'as iha área sira prevensaun nian no hosi jestaun risku nian.

 

Estudu hosi ajénsia ONU nian, ne'ebé la inklui rai-maran ho aumentu hosi nível tasi nian tanba hanesan fenómenu natural sira hosi progresaun neineik, aponta ona ba inundasaun sira, ne'ebé nia frekuénsia aumenta iha nível mundial, hanesan dezastre natural ne'ebé hamosu deslokadu maka'as.

 

Maski hosi relasaun ne'ebé estabelese entre fenómenu natural sira ne'ebé maka'as tebes no deslokamentu forsadu hosi populasaun sira, responsável hosi estudu, Justin Ginnetti, realsa katak movimentasaun boot sira ne'e iha mós ligasaun ba falta governabilidade, ba kiak, ba diminuisaun hosi ekosistema sira no ba dezenvolvimentu urbanu ida ne'ebé konfuzu.

 

Furakaun ho siklone oioin, iha fulan hirak ikus ne'e, halo ona ema mate barak no halo estraga iha Caraíbas no iha Estadus Unidus. Hetan mós rekord ida hosi inundasaun iha nasaun sira hanesan Índia, Nepal ho Bangladexe.

 

Nasaun ualu hosi nasaun sanulu ne'ebé iha númeru boot deslokadu sira nian ka iha ema sira ne'ebé lakon uma tanba dezastre natural sira agora daudaun lokaliza iha súl no sudeste Ázia nian.

 

Tuir númeru sira ne'ebé aprezenta hosi UNISDR, Índia rejista ema deslokadu hamutuk millaun 2,3, tuir Xina (millaun 1,3) ho Bangladexe (millaun 1,2).

 

Lista hosi nasaun sanulu ne'e mós komposta hosi Vietname (millaun ida), Filipina (rihun 720), Birmánia (rihun 570), Pakistaun (rihun 460), Indonézia (rihun 380), Rúsia (rihun 250) ho Estadus Unidus (rihun 230).

 

ho Lusa

horadoplaneta às 15:39 | link do post | comentar | Adicionar aos favoritos

ONU: Desastres naturais provocam quase 14 milhões de deslocados por ano

Os distintos desastres naturais que afetam anualmente várias zonas do mundo provocam o deslocamento forçado de 13,9 milhões de pessoas, indicou ontem um relatório da agência da ONU para a Redução dos Riscos de Desastres (UNISDR). 

 

 

Ao abrigo de uma nova metodologia de análise, o novo relatório da UNISDR avaliou os dados relativos a 204 países e territórios e concluiu que o número de pessoas deslocadas a nível mundial vai continuar a aumentar, nomeadamente nos países mais vulneráveis, caso não existam progressos significativos nas áreas da prevenção e da gestão de riscos.

 

O estudo da agência das Nações Unidas, que exclui as secas e o aumento do nível do mar por serem fenómenos naturais de progressão lenta, apontou as inundações, cuja frequência está a aumentar a nível mundial, como o desastre natural que provoca mais deslocados.

 

Apesar da relação estabelecida entre fenómenos naturais avassaladores e o deslocamento forçado de populações, o responsável do estudo, Justin Ginnetti, realçou que estas movimentações em massa estão igualmente ligadas à falta de governabilidade, à pobreza, à degradação dos ecossistemas e a um desenvolvimento urbano caótico.

 

Vários furacões e ciclones deixaram nos últimos meses um rasto de morte e de destruição nas Caraíbas e nos Estados Unidos. Também foi atingido um recorde de inundações em países como a Índia, Nepal e Bangladesh.

 

Oito dos dez países com o maior número de deslocados ou de pessoas que ficaram desalojadas por causa de desastres naturais estão localizados no sul e no sudeste da Ásia.

 

De acordo com os números apresentados pela UNISDR, a Índia regista 2,3 milhões de deslocados, seguida da China (1,3 milhões) e do Bangladesh (1,2 milhões).

 

Esta lista de dez países também é composta pelo Vietname (um milhão), Filipinas (720 mil), Birmânia (570 mil), Paquistão (460 mil), Indonésia (380 mil), Rússia (250 mil) e Estados Unidos (230 mil).

 

Lusa

horadoplaneta às 15:11 | link do post | comentar | Adicionar aos favoritos

pesquisar

 

Outubro 2017

D
S
T
Q
Q
S
S
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
31

posts recentes

arquivos

tags

subscrever feeds

blogs SAPO