Chineses recorrem a sacos de ar das montanhas para fugir à poluição

Os residentes de Zhenzhou, uma das cidades mais poluídas da China, estão a recorrer a sacos de ar das montanhas, numa tentativa desesperada de inalar ar fresco.



Zhenzhou é uma das cidades da China com mais poluição. Numa lista da Greenpeace sobre as mais poluídas cidades de 2013, ficou em 10º , com um índex de qualidade do ar de 157 (Pequim tem 55 e Nova Iorque 62).

 

Em contraste, na provínvia de Henan, fica uma das zonas mais verdes do país - a Reserva Montanhosa de Laojun. Conhecida pelo ar fresco, a região foi classificada de reserva natural em 1997.

 

Recentemente, uma equipa de reportagem televisiva deslocou-se ao local a fim de testar a qualidade do ar. Foi quando uma empresa local  se lembrou de distribuir ar fresco em vácuo, para promover o turismo da região.

 

"Juntámos 2 mil botijas de ar de She Shen Ya (o pico da Montanha Laojun) e distribuimo-las por várias localidades, numa operação de marketing. Desaparaceram em 20 minutos", conta um responsável do parque.

 

Sapo TL com SIC

horadoplaneta às 11:04 | link do post | comentar | Adicionar aos favoritos