Veado com dentes de vampiro visto pela primeira vez em mais de 50 anos

Um raro veado-almiscarado – ou veado com dentes de vampiro – foi visto pela primeira vez em mais de 50 anos, no Afeganistão.


 

Segundo a Wildlife Conservation Society (WCS), uma equipa de investigadores confirmou ter visto o animal no acidentado nordeste do Afeganistão em cinco ocasiões diferentes.

Tal como a personagem mística que lhe dá a alcunha, também o veado com dentes de vampiro é “oculto, difícil de encontrar e não pôde ser fotografado”, de acordo com o The Dodo.

Ainda assim, a notícia é bem-vinda. A última vez que o veado-almiscarado tinha sido visto foi em 1948, na Holanda. Na verdade, os investigadores acreditam que ele ainda se encontra nesta região, ainda que seja praticamente impossível de o detectar.

O veado-almiscarado habita ainda algumas regiões da Índia e Paquistão e, tal como a maioria dos animais, os seus números estão a decrescer drasticamente. Segundo a IUCN (União Internacional para a Conservação da Natureza), a espécie está “em perigo de extinção”, uma vez que os seus números decaíram 50% em apenas 20 anos.

O animal tem sido caçado até à exaustão, devido à sua carne e dentes gigantes que, tal como noutros casos, são vistos por muitos como tendo propriedades medicinais. “Os veados-almiscarados são um dos tesouros-vivos do Afeganistão”, explicou Peter Zahler, director-adjunto da WCS na Ásia. “Esta espécie rara, tal como o leopardo-das-neves, é a herança natural de uma nação em sofrimento. Esperemos que as condições estabilizem e nos permitam avaliar as necessidades de conservação da espécie”, concluiu.

com Green Savers

horadoplaneta às 16:06 | link do post | comentar | Adicionar aos favoritos