Polícia apreende mais de 200.000 barbatanas de tubarão com destino à Ásia

A polícia do Equador apreendeu recentemente cerca de 200.000 barbatanas de tubarão no porto da cidade de Manta, cujo destino era serem exportadas ilegalmente para o mercado asiático, onde podiam chegar a valer €1,36 milhões.

 

 

As buscas foram feitas a contentores e a nove propriedades no porto daquela cidade. Seis pessoas foram detidas, incluindo uma de nacionalidade chinesa.

Para as organizações conservacionistas a apreensão é extremamente perturbadora, já que os tubarões desempenham um papel essencial nos ecossistemas marinhos. “A apreensão de tantas barbatanas de tubarão no Equador, apenas a mil quilómetros das Galápagos, é extremamente perturbadora. Os tubarões desempenham um papel essencial nos ecossistemas marinhos e removê-los pode provocar o colapso dos mesmos”, afirmou a organização Galapagos Conservation Trust, cita o Guardian.

“São boas notícias de que as autoridades equatorianas estejam a combater a pesca ilegal de tubarões nas suas águas e a consequente venda e produtos ilegais de tubarão, mas é preciso um esforço internacional para pôr um fim a este problema global”, acrescenta a organização.

No mercado asiático, especialmente na China, o produto é bastante procurado para a confecção de sopa de barbatana de tubarão, um prato tradicional.

com Green Savers

horadoplaneta às 14:12 | link do post | comentar | Adicionar aos favoritos