Estado australiano de Queensland autoriza controverso projeto na Grande Barreira de Coral

O gigantesco projeto mineiro Carmichael, do grupo indiano Adani, muito criticado pelo impacto negativo na Grande Barreira de Coral, ultrapassou hoje mais um obstáculo ao obter autorização para avançar da parte do estado australiano de Queensland. 

 


 

O projeto, no valor de 16.500 milhões de dólares australianos (10.600 milhões de euros), prevê a exploração de uma mina de carvão em Queensland, que, a concretizar-se, tornar-se-á uma das maiores do mundo, mas várias associações de defesa do ambiente têm denunciado os efeitos nefastos para o maior recife de coral do mundo.

 

O impacto sobre o clima, em geral, é outra questão levantada pelas diferentes associações, face à influência do carvão no chamado gás de feito de estufa, algo que não demoveu o Governo australiano em julho de 2014, quando deu «luz verde» ao projeto.

 

Fonte: Diário Digital / Lusa

horadoplaneta às 15:30 | link do post | comentar | Adicionar aos favoritos